Sobe para 42 número de mortes por febre amarela no Rio de Janeiro

Por Redação 27/02/2018 - 10:03 hs

O Rio de Janeiro já registra 42 mortes por febre Amarela no Estado, este ano, de acordo com o último boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde divulgado neste segunda-feira. O número de casos confirmados chegou a 95. 

Os municípios com maior incidência da doença são Angra dos Reis, no sul fluminense, com 18 casos, sendo 10 mortes, Valença, também no sul, com 18 casos, com 6 mortes; além de Teresópolis, na Região Serrana, com 13 casos e 6 mortes. 

Outros quatro municípios da região Serrana do Rio aparecem na sequência, Duas Barras, com 8 casos, sendo um óbito, Nova Friburgo, 7 casos, com três óbitos, Sumidouro, que tem 7 casos, sendo duas mortes e Cantagalo, com cinco casos, sendo três mortes. 

Também foram registradas mortes nos municípios de Miguel Pereira, Rio das Flores, Vassouras, Paraíba do Sul, Engenheiro Paulo de Frontin, Mangaratiba e Piraí, todos no sul do Estado, além de Carmo, na região serrana, e Maricá, na região metropolitana do Rio.  

As cidades de Petrópolis na Região Serrana e Paty do Alferes, no sul, registraram três casos no total e nenhum óbito. 

O número de macacos encontrados mortos em todo o estado permanece em dez.